domingo, julho 14, 2002

Desespero. Não sei se digo adeus ou até logo. Em uma semana meu mês termina, minha grana por outro lado já acabou. Paguei 100 reais pra um destes sites de empregos divulgar meu currículo na Internet. Pode ser que sejam picaretas. Pode ser que não... o fato é que meu endereço de contato já não será o mesmo se a busca por uma vaga passar da semana que vem.
Se você contar direitinho, vai ver: restam 7 reais para 7 dias. Já posso começar a pedir comida pros vizinhos, não acha? Tem um vizinho que trabalha no feirão toda quarta de noite, dá pra pedir umas sobras de verduras e frutas. Lá se vai minha dieta balanceada de Macs, pizzas e esfihas com guaraná...
O chato de você estar nesta condição, sem emprego, é que toda visita pra velhos amigos e todo telefonema parece um pedido de recolocação. Sempre rola aquele papo “É, me manda teu currículo, vamos ver... se eu souber de alguma coisa”. Pior aqueles que trabalham arregados em grandes multinacionais e mandam aquelas pérolas: “Pois é, a minha empresa também andou cortando custos, é a situação do mercado mundial, todo mundo ta sujeito... Pelo menos sabemos que não é por falta de competência”. Argh! Don’t patronize me, plz. Eu já me sinto incompetente o suficiente sem um comentário desta natureza.
O relógio está rodando, em menos de uma semana saberemos se eu danço agora, ou se sigo firme pra contar o fim da história.

Planilha de controle
Saldo anterior
R$ 107,00
Entradas
R$ -
Saídas
Site de empregos - R$ 100,00
Saldo final
R$ 7,00